Banner

Banner

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Execução simultânea de avenidas interbairros e a pavimentação de São Luís

Mobilidade urbana, mais qualidade de vida e geração de emprego e renda em São Luís.


Prefeitura e Governo executam simultaneamente quatro conexões Interbairros. A Prefeitura de São Luís e o governo do Estado estão imprimindo ritmo intenso às obras do Programa Interbairros, que já estão em execução nos bairros São Cristovão, Jardim São Cristóvão, Altos do Calhau, Cohatrac e Turu, totalizando quatro interbairros em andamento. Na Rua do Arame, no São Cristovão, os serviços estão praticamente concluídos com via plenamente trafegável, pavimentação nova, beneficiando os moradores da região e motoristas que trafegam pelo local. As avenidas 2 e 3 do Jardim São Cristóvão já foram pavimentadas e os operários seguem no local com serviços de drenagem superficial.
A conexão entre estrada da Maioba até a Avenida dos Holandeses também está sendo executada com agilidade, simultaneamente às demais obras. No Altos do Calhau, foram iniciadas as obras na Rua Colinas, parte da conexão que ligará o bairro à Vila Conceição. A via parte da Vila Conceição e cria acesso alternativo às Avenidas dos Holandeses, Luís Eduardo Magalhães e Rua Santo Antonio, na região do Barramar.
Além de propiciar maior mobilidade urbana, acessibilidade e melhorar a qualidade de vida do cidadão, as 14 interconexões Interbairros devem impactar positivamente no desenvolvimento econômico e social da capital. "O programa tem em sua essência não apenas resolver os problemas dos congestionamentos, mas foi projetado e está sendo colocado em prática para assegurar a São Luís um Plano de Desenvolvimento Urbano com reflexos positivos em toda a cidade do ponto de vista social e econômico", observa o prefeito Edivaldo.
Com as obras do Interbairros, a Rua do Arame, que não tinha funcionalidade por estar sem condições de trafegabilidade, hoje é uma importante via que interliga a Avenida Guajajaras e chega até a via que tem acesso à Expoema. No local, foram realizados serviços de terraplanagem, pavimentação nova e será feita requalificação da iluminação pública, segundo informou secretário municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), Antônio Araújo, que acompanhou os serviços no local esta semana.
Moradores da região já sentem as mudanças com a intervenção. "É um grande benefício para toda São Luís. A população vem sofrendo com grandes congestionamentos e intervenções como esta são muito bem pensadas para a melhoria do tráfego na capital", disse o aposentado Fernando Freitas Rocha, que mora na rua do Arame.

MAIOBA - HOLANDESES

Outro trecho que está com os serviços avançados é o que interliga a estrada da Maioba até a Avenida dos Holandeses. O primeiro trecho desse trajeto que vai da altura da Artur Carvalho até chegar a Holandeses já está com os serviços de requalificação asfáltica concluído. Agora vão entrar os serviços de implantação de meio-fio. No segundo trecho, está sendo feita a requalificação da pavimentação asfáltica na margem do Itapiracó, Matões/Turu que deverá ser finalizada nos próximos dias.
"Na próxima semana começará a fundação da ponte do Pai Inácio, o bate-estaca já está lá e, com a ponte, todo esse trecho estará em pleno funcionamento. Uma ponte de 25 metros estava servindo de barreira para um desenvolvimento econômico. A população já entende qual a importância de uma Interbairro em uma região dessa que beneficia não só essa população, mas a cidade com a geração de emprego e renda", observou Antônio Araujo. No Cohatrac, os trabalhos estão sendo realizados na margem do canal Cohab/Cohatrac e vão até a via que chega à Maioba.
De acordo com o secretário estadual de Infraestrutura, Clayton Noleto, a parceria interinstitucional firmada garante mais mobilidade à capital. "A determinação do governador Flávio Dino foi a de que não medíssemos esforços para a melhoria da mobilidade urbana na capital, o que resultou nessa parceria com a Prefeitura, através das novas conexões do programa Interbairros", disse Noleto.
Antônio Araújo destaca que toda São Luís será beneficiada com o programa que deverá ter as obras concluídas em seis meses. Diversas frentes de trabalho foram abertas para garantir o cumprimento do prazo.

"Em todas as nossas obras de requalificação asfáltica estamos executando serviços complementares de drenagem superficial que incluem a implantação ou recuperação de sarjetas, meios-fios e calçadas. Além do aspecto urbanístico, as obras propiciam o respeito ao cidadão com melhor mobilidade urbana, melhor acessibilidade e - em sua essência - assegurar um direito fundamental ao cidadão: o de ir e vir", finalizou o secretário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário