Banner

Banner

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Governo investe no ‘Água para Todos’ para beneficiar mais de 100 bairros da capital


Governador Flávio Dino durante o lançamento do programa
‘Água para Todos’. Foto: Karlos Geromy

O Governo do Estado tem realizado diversos investimentos para melhorar a vida dos ludovicenses, um deles é o programa ‘Água para Todos’ que está a pleno vapor facilitando o cotidiano de quem vive na capital maranhense. Levar água a todos os lares, melhorar o abastecimento e por fim ao rodízio de água na capital maranhense, são algumas das prioridades do programa que está sendo executado, com diversas ações sendo realizadas, simultaneamente, pelo Governo do Estado, por meio da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema). Entre as quais, a perfuração de 12 poços de grande vazão, a substituição de 19 quilômetros da adutora do Sistema Italuís e o reforço de vazão desse sistema.
Uma das beneficiadas com estes investimentos foi a Margarath Costa, moradora do Bairro de Fátima. “Melhorou muito porque não tínhamos água aqui. A água chegava apenas para quem tinha bomba e eu ficava sem água, ia dormir 3h da madrugada para tentar encher o meu tanque”, disse Margareth.
Os investimentos feitos para solucionar os problemas de abastecimento de água na região central de São Luís, que é mantida pelo Sistema Sacavém/Batatã, foram com a perfuração de seis poços de grande vazão. O primeiro poço inaugurado foi o da Praça do Viva do Bairro de Fátima, e o segundo, foi o poço da Vila Passos. E já estão sendo concluídos e serão entregues nos ainda neste mês, os poços da Praça da Misericórdia, do Outeiro da Cruz, do Parque do Bom Menino e do Monte Castelo.
A dona de casa Conceição de Maria Almeida, 41 anos, fez questão de acompanhar a entrega do sistema na Vila Passos, bairro onde mora desde que nasceu relatou que sempre sofreu com o problema de falta d´água e que custa a acreditar que não precisará mais abastecer os tonéis de sua casa. “Parece um sonho ter água todo dia em minhas torneiras" , comemorou ela.

“Acreditamos que com esses investimentos teremos outro panorama neste tema tão agudo, que é o abastecimento de água no estado. Além disso, estamos investindo outros recursos no remanejamento da adutora do Italuís”, explicou o governador Flávio Dino relatando a preocupação com este tema é fundamental para melhorar a qualidade de vida dos ludovicenses. “Destaco aqui a nossa preocupação com a população mais pobre, fazemos questão de garantir os direitos de todas as pessoas e esta é a meta: abastecimento de água de qualidade nos lares dos maranhenses”, afirmou.
Para o prefeito de São Luís, a parceria que não acontecia no passado foi revertida e hoje governo e prefeitura andam juntos para implantar investimentos e melhorar o abastecimento de água para a cidade. “Estamos concretizando ações importantes realizadas em parceria entre a Prefeitura de São Luís e o Governo do Maranhão para darmos solução a um problema antigo na capital, que é a falta de água regular na casa das pessoas”, disse Edivaldo Holanda Júnior.
O presidente da Caema, Davi Telles, relata que nos oito primeiros meses de gestão, por orientação do governador Flávio Dino, tem sido realizados grandes investimentos, os maiores desde a década de 1980, quando foi construído o Italuís. “Esses investimentos vão desde a fundamental obra do reforço de vazão para acabar com o rodízio histórico de água na capital, passando pela construção de poços. O ‘Água Para Todos’ é o item número um do programa do governador Flávio Dino e tem sido tratado dessa maneira desde o primeiro dia de gestão”, destacou Davi Telles.
Já para resolver o problema de abastecimento de água na região Cohab/Cohatrac (abastecida pelos Sistemas Paciência I e II), onde a população sofre há anos com a intermitência de água, estão sendo perfurados mais seis poços de grande vazão, em parceria com a Defesa Civil. Além disso, 35 poços estão em recuperação na zona rural de São Luís, melhorando a distribuição de água para diversas comunidades.
A obra de substituição da adutora do Sistema Italuís, nos 19 quilômetros do Campo de Perizes, está em fase final de execução, com a implantação da estrutura metálica que vai permitir a travessia da tubulação sobre o Estreito dos Mosquitos, que separa a Ilha de São Luís do continente. Com um diâmetro maior, a nova adutora, além de eliminar a possibilidade de rompimentos, vai permitir o aumento da vazão de água bombeada em 200 litros por segundo.
O diretor-presidente da companhia explicou que por determinação do governador Flávio Dino, a Caema está lançando o edital de licitação para contratação de empresa para elaboração do projeto da obra de reforço de vazão, a ser implantado no Km 22 da adutora do Sistema Italuís. Segundo ele, essa é uma obra prevista desde a década de 1980, mas que nunca foi implantada, e que consiste na construção de uma elevatória, de mais de 170 metros de altura, que vai dividir a adutora em duas, à altura do Km 22, já no continente.
“O governador Flávio Dino já disponibilizou recursos da ordem de R$ 100 milhões para esse reforço de vazão, que vai permitir o rebombeamento de água do Sistema Italuís, com um incremento de mais 1.000 litros por segundo. Isso é o suficiente para acabarmos com a intermitência, com o rodízio, no abastecimento de água nas áreas atendidas pelo Italuís”, pontuou.
Áreas que serão beneficiadas com o reforço do Italuís
ZONA 01 (parcialmente, pois é abastecida pelo Sistema Sacavém/Batatã, que recebe reforço do Italuís)
Centro, São Pantaleão, Madre Deus, Goiabal, Codozinho, Vila Bessa, Belira, Lira, Parte da Areinha, Macaúba, Apicum, Camboa, Vila Bangu, Diamante, Vila Passos, Coréia de Baixo, Coréia de Cima, Sítio do Meio, Alto da Boa Vista, Retiro Natal, Liberdade, Tomé de Sousa, Fé em Deus, Floresta e Monte Castelo (trecho).
ZONA 04
Jardim São Cristóvão, Tirirical, Solar das Mangueiras, São Bernardo, Vila Brasil, Cohapam, Parque Universitário, João de Deus, Sítio Pirapora, Estação Rodoviária, Vila Itamar I e II, Parque Jaguarema, Conjunto Cial, Alameda dos Sonhos.
ZONA 05
São Francisco, Ilhinha, Morrinho, Jaracati, Ponta d’Areia, Ponta do Farol, São Marcos, Calhau, Renascença I e II, Residencial Novo Tempo II, La Ravardiere, Alto do Calhau, Recanto dos Nobres, Cohafuma, av. Litorânea, Solar dos Lusíadas, Solar dos Lusitanos, Conjunto Turu I II e III, Jardim Eldorado, Loteamento Brasil, Divinéia, Olho d’Água, Sol e Mar, Vila Luisão, Santa Rosa, Turu Velho, Matões, Parque Vitória, Vivendas do Turu, Vila São José, Canudos, Terra Livre.
ZONA 06

Vila Bacanga; Ufma, Sá Viana Novo, Sá Viana Velho; Jambeiro, Vila Dom Luís; Vila Isabel; Vila Embratel; Vila São Benedito; Vila Resende; Vila Primavera; Anjo da Guarda; Fumacê; Vila Mauro Fecury I e II; Vila São Luís; Vila Nova; Bonfim; Vila Ariri; Vila Sete de Setembro, São Raimundo; Vila Alto da Esperança; Gancharia; Vila Itaqui; Porto do Itaqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário