Banner

Banner

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Governo do Maranhão inaugura laboratório tecnológico contra lavagem de dinheiro



Com a presença do governador Flávio Dino, foi inaugurado, na manhã de hoje, no auditório Leofredo Ramos, da Secretaria de Segurança Pública, um laboratório tecnológico destinado a identificar e apurar crimes de lavagem de dinheiro no Maranhão. Estiveram presentes na solenidade, o Governador do estado Flavio Dino, o Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, o Delegado Geral da Policia Civil, Augusto Barros Neto, o Comandante do Corpo de Bombeiro, Célio Roberto, o Comandante da PMMA, Cel Marco Antônio Alves e o presidente em exercício da Assembleia Legislativa, deputado estadual Othelino Neto (PCdoB).
A inauguração do laboratório tecnológico reforça o compromisso de combate à corrupção do Governo Flavio Dino na esfera da segurança pública e acontece no âmbito da Superintendência de Combate a Corrupção (SECCOR), coordenada pelo delegado titular Lawrence Melo Pereira.
Em pronunciamento na solenidade, o Secretário Jefferson Portela afirmou que a Secretária de Segurança Pública conta com total apoio do Governo do Estado no combate efetivo a todos aqueles que cuidam de desviar dinheiro público. “Hoje, concretamente há um avanço na luta contra a engenharia criminosa que desvia recursos públicos no estado. Isto é claro porque, para além das prisões, as investigações continuam no objetivo da recuperação de todo o dinheiro que foi desviado dos órgãos públicos. Agora, a Policia Civil do Maranhão se faz mais forte para elucidar esse tipo de crime de tão alta lesividade social”, disse Portela.
O governador Flávio Dino afirmou que o Maranhão avança na direção correta, com ações concretas voltadas para o combate à criminalidade. Entre estas ações citou os investimentos em equipamentos de segurança, comunicação digital e formação de novos policiais.
Segundo o delegado Geral de Policia Civil, Augusto Barros, o combate a corrupção preserva as chances de acesso das novas gerações a um estilo de vida melhor. Na medida em que se inibem essas práticas criminosas, todos os recursos que foram desviados efetivamente chegam à população. “A Policia Civil do Maranhão conseguiu um ganho no que diz respeito a qualidade e visibilidade dos trabalhos realizados com a nova gestão e apoio do Governo Dino”, frisou Augusto.


As dependências do Laboratório Anticorrupção
O Laboratório (lab.)  de Tecnologia contra lavagem de dinheiro é fruto de um convenio com o Ministério da Justiça e vai integrar o Centro de Inteligência da Polícia Civil. O laboratório vai permitir a manipulação de software, o cruzamento de dados, servindo, inclusive à recuperação de recursos desviados criminosamente. Será coordenado pelos delegados Augusto Barros e Milton. A composição do laboratório de Tecnologia contra lavagem de dinheiro ficará na responsabilidade do delegado Roberto Wagner Leite Fortes.
“A principal função é fazer com que os nossos demandantes, que estejam a frente de uma investigação criminal, possam melhor fazer a análise da prova processual penal e especificamente a quebra de sigilo bancário, além de sigilo fiscal. O nosso papel é fazer com que essas analises sejam feitas e o poder judiciário possa dispor de elementos para condenar aqueles que se valem de cargos públicos para prática de corrupção”, disse Roberto Wagner.
O prédio conta com sala de recepção, de CPD (software e o HARDWERE para armazenamento de dados), bem como uma sala de reunião que irá receber, através do convenio com o Ministério da Justiça, um sistema de Vídeo Conferencia, sala de analistas e um gabinete. Seis delegados de Polícia Civil, em ação conjunta, realizarão o levantamento de provas para o processo judiciário.

Isadora Fonseca / Ascom SSP

Nenhum comentário:

Postar um comentário