Banner

Banner

sexta-feira, 10 de junho de 2016

Hospital Macrorregional de Imperatriz tem 90% de obra concluída



O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), tem investido na saúde para beneficiar a população maranhense com atendimento hospitalar de alta complexidade descentralizado da capital. Dentre eles, está o Hospital Macrorregional de Imperatriz, cujas obras foram visitadas pelo governador Flávio Dino, na última quarta-feira (8). A unidade, que está com 90% das obras concluídas, será entregue em agosto de 2016.
Além da regional de Imperatriz, as regionais de Açailândia, Balsas e Barra do Corda também serão contempladas com o hospital macrorregional. Ao todo, 37 municípios compreendem essas regionais e mais de um milhão de pessoas serão beneficiadas. “Os hospitais macrorregionais são uma iniciativa robusta para a racionalização e descentralização do atendimento de alta complexidade, que reduzem gargalos no interior do estado e facilitam o acesso à rede, evitando a transferência de pacientes para a capital. Na regional de Imperatriz, especificamente, o hospital disponibilizará tratamento de câncer, especializado e qualificado”, disse o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.
Em pleno funcionamento, o hospital atenderá pacientes da área de oncologia, reduzindo gargalos da especialidade na região. Além desta novidade, o hospital contará com serviços e leitos regulados e referenciados, em segmentos como clínica geral, ortopedia, pediatria, cirurgia geral, neurocirurgia, nefrologia, endocrinologia, gastroenterologia, oftalmologia, vascular, cardiologia e urologia. Serão disponibilizados também serviço de apoio diagnóstico com laboratório, tomografia, RX, ultrassom, mamografia e endoscopia.


“Esse é um equipamento de saúde de alta complexidade, que atenderá a uma região populosa e que antigamente precisava percorrer longas distâncias em busca de atendimento médico. Ele também irá auxiliar a desafogar o atendimento na rede municipal e possibilita ao usuário da rede pública contar com um serviço de mais qualidade na saúde”, afirmou a gestora regional de saúde de Imperatriz, Antônia Iracilda Silva Viana.
Com 30 leitos para clínica médica, 26 de assistência pediátrica, 26 de clínica ortopédica, 28 de clínica cirúrgica e 12 de UTI Adulto, serão 122 leitos, com custeio mensal da unidade compreendendo o valor de R$ 3.706.406,00.
Municípios beneficiados com o Hospital Macrorregional de Imperatriz
REGIÃO DE AÇAILÂNDIA: Açailândia, Bom Jesus das Selvas, Buriticupu, Cidelândia, Itinga do Maranhão, São Francisco do Brejão, São Pedro da Água Branca, Vila Nova dos Martírios.
REGIÃO DE IMPERATRIZ: Sítio Novo, Senador La Roque, São João do Paraíso, Ribamar Fiquene, Porto Franco, Montes Altos, Lajeado Novo, João Lisboa, Imperatriz, Governador Edison Lobão, Estreito, Davinópolis, Campestre do Maranhão, Buritirana, Amarante do Maranhão.
REGIÃO DE BALSAS: Alto Parnaíba, Balsas, Carolina, Feira Nova do Maranhão, Formosa da Serra Negra, Fortaleza dos Nogueiras, Loreto, Nova Colinas, Riachão, Sambaíba, São Félix de Balsas, São Pedro dos Crentes, São Raimundo das Mangabeiras, Tasso Fragoso.

REGIÃO DE BARRA DO CORDA: Arame, Barra do Corda, Fernando Falcão, Grajaú, Itaipava do Grajaú, Jenipapos dos Vieira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário