Banner

Banner

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Primeiro ‘Ponto do Saber’ do Estado é inaugurado no Desterro, Centro Histórico de São Luís


Foto: Fellipe Neiva/Secti
Os moradores do bairro do Desterro, localizado no Centro Histórico de São Luís, agora podem contar com um telecentro conceituado, permitindo ao público o acesso a serviços on-line, educação e atividades multidisciplinares, garantindo assim mais universalização da internet e uma inclusão digital eficaz e gratuita. Isso só foi possível graças ao primeiro “Ponto do Saber”, inaugurado no início da tarde dessa quinta (11) no Centro Cultural Convento das Mercês. O Ponto do Saber integra o conjunto de ações do programa “Cidadania Digital” do Governo do Maranhão é o coordenado pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti).
De acordo com o secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Jhonatan Almada, é uma satisfação muito grande materializar o projeto. “Esse trabalho é um conjunto de parcerias e é missão do Governo Flávio Dino. Aqui será o ponto de encontro do saber tecnológico e popular, será um espaço em que a comunidade e os jovens poderão fazer consultas, pesquisas, estudos, além de ter acesso a serviços públicos. Estas ações visam um crescimento na inclusão digital no Maranhão, fazendo com que a comunidade desfrute de mecanismos que possibilitem a prática de trabalhos e pesquisas”, frisou Almada em seu discurso de inauguração.
Segundo o diretor do Convento das Mercês, Paulo Melo Sousa, é fundamental ser parceiro em uma iniciativa como essa. “Essa era uma demanda da comunidade que está se concretizando, foi um esforço desde o início da atual gestão do Governador Flávio Dino. É muito satisfatório contribuir com a melhoria da vida das pessoas e trabalhar com o social”, enfatizou.
“Esse espaço está começando a ter o uso que deveria, é um espaço arquitetônico que vai formar novas lideranças para o Maranhão que irão elevar os índices do nosso estado”, disse o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico do Maranhão (Fapema), Alex Oliveira.
Para o secretário de Estado da Educação, e presidente da Fundação da Memória Republicana Brasileira, Felipe Camarão, a inauguração demonstra que, além de propostas, esta gestão está concretizando. “Essa é a demonstração de que um governo que dialoga consegue o progresso. É importante quando acontece a união para que ações como essa possam ser realizadas”, realçou Felipe Camarão.
O líder comunitário Denis Cutrim destacou a importância dessas ações para a comunidade do Desterro. “É um grande avanço para nós, uma boa conquista, tendo em vista que temos em nosso entorno pessoas que não têm condições de custear seu acesso à internet. O Ponto do Saber vai nos ajudar muito”.
O Ponto do Saber disponibiliza 17 computadores, internet de 20 MB, data-show, tela retrátil de três metros de largura por três de comprimento e uma televisão de 42 polegadas. Estão sendo ofertados cursos de Inglês, Desenvolvedor de Aplicativos Web e Web Design.
Novos cursos e serviços

Em seu discurso de inauguração, o secretário Jhonatan Almada adiantou que pretende viabilizar outros cursos e ações como reforço escolar, pré-vestibular para jovens carentes, informática básica, manutenção e montagem de microcomputadores, além de atividades de lazer. “Em uma segunda etapa serão ofertados cursos técnicos de capacitação profissional e com conteúdos diversificados para a comunidade do Desterro, Praia Grande, Portinho e arredores”, anunciou Almada, ressaltando que o projeto objetiva contemplar também outros municípios, privilegiando comunidades quilombolas, assentamentos rurais e aldeias indígenas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário