Banner

Banner

sábado, 17 de setembro de 2016

Ministério Público do Maranhão lança seletivo para estágio não-obrigatório



Na manhã desta quinta-feira (15) o procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho assinou o Edital n° 01/2016, que trata do processo seletivo para estágio não obrigatório na instituição. Serão oferecidas vagas de nível médio/técnico e superior em 12 áreas de conhecimento, distribuídas em 12 municípios maranhenses.
As inscrições para o seletivo, que visa admissão e formação de cadastro de reserva, deverão ser feitas exclusivamente pela internet, no período de 19 a 30 de setembro de 2016 pelo site. Não será cobrada taxa de inscrição e 10% das vagas serão reservadas a pessoas com deficiência.
No momento da inscrição, o candidato deverá anexar os seguintes documentos:
Carteira de identidade, histórico escolar e comprovante de matrícula atualizado. Para estudantes de nível superior, será exigido Coeficiente de Rendimento (média geral) igual ou superior a 8,00.
As provas terão 32 questões objetivas e serão realizadas em etapa única, no dia 13 de novembro, nas cidades de São Luís, Bacabal, Balsas, Imperatriz e Caxias. Os portões dos locais de prova serão abertos às 13h e fechados às 13h45. As provas serão iniciadas às 14h, com término às 17h.
Os candidatos deverão comparecer ao local de prova com antecedência mínima de uma hora, portando caneta esferográfica de tinta azul ou preta e documento de identificação original com foto (carteira de identidade, carteira de órgão ou conselho de classe, carteira de trabalho e previdência social, certificado militar, carteira nacional de habilitação ou passaporte)
O resultado preliminar do processo seletivo deverá ser divulgado até 1° de dezembro de 2016. A homologação do processo seletivo ocorrerá até 12 de dezembro.

Luiz Gonzaga Coelho ressaltou a importância de realização do seletivo, pois os estagiários prestam uma contribuição importantíssima ao trabalho desenvolvido pelo Ministério Público. A diretora da Escola Superior do Ministério Público (ESMP), Ana Teresa Silva de Freitas, ressaltou também a importância do aprendizado dos estudantes ao participarem ativamente das atividades da instituição. O procurador-geral de justiça também falou sobre a intenção da Administração Superior de criar o Estágio de Extensão, permitindo que os estagiários que concluam suas graduações e ingressam em cursos de pós-graduação possam continuar no estágio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário