Banner

Banner

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Rússia continua buscas por avião militar que caiu no Mar Negro

Aeronave caiu no domingo (25), com 92 pessoas a bordo. Ainda não há informações sobre a causa do acidente.
Do G1

A Marinha e os serviços de emergência da Rússica continuam as buscas por vítimas do avião militar que caiu no Mar Negro no domingo (25), com 92 pessoas a bordo, segundo a agência Reuters. As causas do acidente ainda são desconhecidas. Entre as vítimas estão membros do coro do Exército que celebrariam o Ano Novo com as tropas russas na Síria. Nesta segunda-feira (26), a Rússiva respeita um dia de luto por causa do acidente.
A catástrofe, que aconteceu na manhã de domingo pouco depois da decolagem do aeroporto da localidade balneária de Sochi, provocou uma grande comoção na Rússia, onde o 'Ensemble Alexandrov' - conhecido por suas turnês ao exterior sob o nome de coro do Exército Vermelho - é considerado um dos símbolos do país e um orgulho nacional.
O ministro russo dos Transportes, Maxim Sokolov, afirmou nesta segunda-feira, após uma reunião da comissão especial criada na véspera, que entre as principais hipóteses na investigação "não está incluída a de ato terrorista".
"Os motivos podem ser diversos. Os especialistas do comitê de investigação estão analisando", afirmou, antes de citar um "problema técnico ou um erro do piloto".
As equipes de busca encontraram 11 corpos e mais de 150 pedaços do avião, de acordo com o porta-voz do ministério da Defesa, Igor Konachenkov. Dez corpos foram transportados a Moscou para a identificação.
Mais de 3.500 pessoas participam na operação, com o apoio de 39 barcos, cinco helicópteros e vários drones. As autoridades russas ampliaram o perímetro de busca.

As caixas-pretas do avião ainda não foram localizadas, mas o comandante da Força Aérea russas, Viktor Bondarev, se mostrou "convencido" de que não estão danificadas e disse que espera encontrá-las nas próximas horas.

Leia mais: Dezenove brasileiros desaparecem tentando entrar nos EUA 

Leia mais: Avião militar russo com 92 pessoas a bordo cai no mar Negro

Nenhum comentário:

Postar um comentário