Banner

Banner

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

De como Andrea Murad botou os meninos da Funac pra correr e a saga dos cortadores de cabeças

JM Cunha Santos


E estão contado uma anedota segundo a qual quando, finalmente, Andrea Murad conseguiu entrada para a sede da Funac, na Aurora, foi uma festa para a claque sarneisista e uma corrida pavorosa para os internos da Instituição. Alguns se esconderam debaixo da cama, outros se trancaram no banheiro, dois ficaram paralisados e um conseguia gritar:
- Tirem essa mulher daqui! Ela anda naquele Bonde!
- Que Bonde?
- Que Bonde?
- Que Bonde?
- O Bonde dos Sarney. É um pessoal que só age de helicóptero porque tem muito dinheiro.
- E eles usam armas pesadas?
- Usam. Licitação fraudulenta .40, Superfaturamento Blindado, Isenção Fiscal AK47, Suborno 22I.R, Desvio de Verba X Trema, além de dispositivos óticos para vigiar a presença da Polícia Federal e do Ministério Público.
- E eles cortam cabeças?
Ah, cortam! Cortaram a cabeça de Cafeteira, cortaram as cabeças dos Bacelar para ficar com a retransmissão da Rede Globo, cortaram a cabeça do Fábio Câmara,quase cortaram a cabeça e as pernas de Edinho Lobão, cortaram a cabeça de Jackson Lago e agora estão fazendo tudo pra cortar a cabeça do Flávio Dino. O problema é que não conseguem porque esse tem muito do apoio do povo do Maranhão e o pescoço muito duro.
- Eles são maus, não é?
- Maus é apelido. Eles comem a merenda escolar das crianças, ficam com o dinheiro dos doentes, deixam professores e policiais na miséria, acabam com as vidas dos pequenos agricultores. Não tem pena de ninguém.
- E o que eles querem aqui?
- Dinheiro. Eles só pensam em dinheiro.
- Dinheiro? Mas a gente não tem dinheiro?
- Eles querem usar a gente para tomar o governo e ficar com o dinheiro do povo.
- E porque será que eles querem cortar a cabeça do Flávio Dino?

- Não sei... Acho que é porque o Flávio Dino já cortou as cabeças deles... Parece que foi quando criou a Secretaria de Transparência e Controle e a Superintendência Estadual de Combate à Corrupção. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário