Banner

Banner

sábado, 14 de janeiro de 2017

Sistema Mirante agoniza e ataca governo em busca de verbas


Os recentes ataques do Sistema Mirante ao Governo do Estado tem razões econômicas bem maiores que razões políticas. Explica-se: acostumado a faturar quantias vultosas da verba de publicidade do governo, agora não tem mais os privilégios e recebem valores compatíveis com a chamada “mídia técnica”. E isso num momento em que as finanças da empresa da família Sarney dão sinais de falência.
Em 2014, último ano do governo Roseana Sarney, o Sistema Mirante abocanhou mais de 12 milhões, quase 50% de tudo que foi gasto pelo estado em todo o setor. Em 2013, o faturamento foi de quase 8 milhões de reais. No ano de 2012 Roseana Sarney pagou 11 milhões e 500 mil reais. E em 2011 quase 7 milhões.
Ao todo, nos 4 últimos anos de governo, Roseana Sarney, a governadora, pagou para Roseana Sarney, uma das proprietárias da Mirante, nada menos que 38 milhões e 900 mil reais.
Fontes asseguram que Fernando Sarney chegou a fazer uma proposta de parceria com o Governo do Maranhão, envolvendo as mesmas cifras que recebia da irmã Roseana. Com a negativa do Governo e a aproximação do período eleitoral mandaram abrir a caixa de ferramentas de mentiras e ataques pra tentar atingir o governador Flávio Dino.

Nenhum comentário:

Postar um comentário