Banner

Banner

quinta-feira, 4 de maio de 2017

Polícia Civil estoura esquema de lavagem de dinheiro no valor de R$ 100 milhões em postos de gasolina e prende o agiota Pacovan



A Polícia Civil acaba de estourar um esquema de lavagem de dinheiro em postos de gasolina da região metropolitana de São Luís cuja movimentação, segundo as investigações, passa de R$ 100 milhões.
Segundo as primeiras informações sobre a “Operação Jenga”, o agiota Pacovan e a quadrilha foram presos, dois membros em Itapecuru, enquanto 22 mandados de prisão estão sendo cumpridos nas cidades de São Luís, Itapecuru e Zé Doca. Os mandados relativos à capital São Luís ainda estão em execução. Segundo a polícia, em um dos imóveis de Pacovan foram apreendidos 60 caminhões, que eram entregues como garantia por quem tomava empréstimo com ele. Se não pagasse, ele ficava com os caminhões

A suspeita é de que a lavagem de dinheiro seja fruto de esquemas de corrupção em prefeituras maranhenses. Uma coletiva de imprensa está marcada para hoje à tarde na Secretaria de Segurança para tratar sobre essa operação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário