Banner

Banner

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Rede São Luís de Pontos de Cultura inicia atividades na capital



Promover a acessibilidade à cultura e fomentá-la em todo território de São Luís é a proposta da Rede São Luís de Pontos de Cultura, que foi lançada pela Prefeitura na noite de quarta-feira (5). A Rede é composta por 40 organizações culturais, entre entidades e coletivos, que estiveram presentes na solenidade ocorrida no Cine Teatro da Cidade. O evento contou com a presença do vice-prefeito Júlio Pinheiro, do secretário municipal de Cultura, Marlon Botão, do representante da Regional Nordeste do Ministério da Cultura, Nilton Valença, do representante do Maranhão na Rede Nacional de Pontos de Cultura e integrante da Rede São Luís de Pontos de Cultura, José Antônio Júnior (Catatau), entre outras autoridades.
"Importante exaltar essas experiências exitosas de quem constrói a cultura popular no Maranhão. O grupo Grita, por exemplo, que é do meu bairro, Anjo da Guarda, e que está na Rede São Luís de Pontos de Cultura, tem uma grande expressividade teatral. Então, parabenizo o prefeito Edivaldo pelo projeto e saúdo todas as pessoas que oportunizam esses espaços de expressão cultural pela destreza, esforço diário e força para manter a cultura viva nas comunidades", destacou Júlio Pinheiro.


Entre as metas da Rede São Luís de Pontos de Cultura está a premiação, em R$ 43.350,00, de 40 organizações culturais como Pontos de Cultura, que foi concluída na primeira etapa do programa. A segunda fase é a capacitação de 80 pessoas que serão multiplicadoras em suas regiões de temas prioritários para o desenvolvimento da economia da cultura local e para articulação em rede, alinhados com as políticas do Sistema Nacional de Cultura, do Plano Municipal de Cultura de São Luís e da Política Nacional do Programa Cultura Viva. Entre os temas prioritários estão as Política Nacional de Cultura Viva, Cultura de Rede; Redes Associativas; Elaboração de Projetos e Captação de Recursos; Comunicação Comunitária; Comunicação Visual e Portfólios Culturais; e Cultura Empreendedora.
FORTALECIMENTO DA CULTURA LOCAL 


Os Pontos de Cultura estão presentes em todos os estados brasileiros e em cerca de mil municípios, regidos pela Lei da Política Nacional de Cultura Viva. O representante da Regional Nordeste do Ministério da Cultura, Nilton Valença, explicou a importância da articulação em rede desses Pontos. "Existem mais 3 mil Pontos de Cultura em todo o país e a meta nacional é que até 2020 tenhamos 15 mil pontos. A Política Nacional de Cultura Viva é o programa do MinC com maior visibilidade mundialmente, se tornando uma referência em termos de incentivo cultural no país. Desta maneira, organizar em Rede, como São Luís está fazendo, é um passo importante que a cidade dá no reconhecimento do papel estratégico da cultura como base da construção e preservação da identidade brasileira", disse Valença.
O secretário municipal de cultura, Marlon Botão, frisou sobre o processo de construção de políticas públicas culturais, valorizando a diversidade e a inclusão. "São Luís já inicia o processo com um diferencial que é a premiação dos Pontos, além do reconhecimento. Essa peculiaridade se estende em todo o processo, desde a seleção em que foram contemplar as iniciativas que se localizam e envolvem as comunidades, a capacitação e a união do poder público e da sociedade civil para garantir que as políticas culturais aconteçam de forma exitosa", pontuou Botão.
"O projeto finaliza este ano, mas a Rede continua existindo, nós só estamos dando o primeiro passo para fortalecer a cultura local e democratizar o acesso desta cultura a todos. A culminância do projeto será em outubro com um Fórum em que iremos apresentar os resultados adquiridos ao longo dessa trajetória e também iremos produzir e executar 100 catálogos com os estes qualitativos, incluindo 100 DVDs com informações em audiovisual", explicou André Lobão, coordenador do projeto.
Para Carl Pinheiro, participante da Rede pelo Grupo Grita, do Anjo da Guarda, ser Ponto de Cultura fortalece e beneficia a comunidade que está inserido, porque a partir da cultura é possível transformar a comunidade.

Ao todo, 9 macro regiões estão incluídas na Rede São Luís de Pontos de Cultura, englobando 20 bairros da capital. 14 diferentes seguimentos culturais compõem a Rede, a caracterizando como uma das mais plurais do país, sendo eles: Teatro; Dança; Tambor de Crioula; Bumba meu boi; Centro Cultural; Capoeira; Cultura e Educação; Escola de Samba; Bloco Tradicional; Mídia Livre; Moda; Festa do Divino; Música e Ocupação Cultural.

Nenhum comentário:

Postar um comentário