Banner

Banner

quinta-feira, 5 de março de 2015

Lava-Jato: Lobão contrata ex-advogado do doleiro Alberto Youssef

Edison Lobão
BRASÍLIA — O senador e ex-ministro de Minas e Energia Edison Lobão (PMDB-MA) já contratou um advogado para defendê-lo no Supremo Tribunal Federal (STF) no âmbito da Operação Lava-Jato. O escolhido foi Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, que no processo do mensalão livrou da condenação o publicitário Duda Mendonça.
Kakay confirmou ao GLOBO ter sido contratado pelo senador para atuar no caso. Afirmou que está em contato com Lobão desde o ano passado, quando surgiram os primeiros vazamentos que ligariam o ex-ministro ao caso. Esteve novamente com o cliente nesta semana. O gabinete do senador confirmou que ele vem mantendo contato com o advogado.
Disse não haver confirmação se Lobão é alvo de algum dos pedidos de inquérito protocolados pelo procurador-geral Rodrigo Janot. Afirmou que caso não se cumpra a expectativa de retirada do sigilo dos inquéritos nesta semana, pode acionar o STF para ter a informação sobre qual seria eventual acusação contra seu cliente.
ADVOGADO DE YOUSSEF
– Como as especulações estão indo e voltando, prefiro esperar para ver o que pode acontecer. Podemos fazer petição pedindo vista. Como acho que o ministro Teori Zavascki deve determinar a retirada do sigilo, vamos esperar até segunda-feira – afirmou o advogado.
Kakay foi advogado do doleiro Alberto Yousseff na Lava-Jato, tendo deixado a função quando ele decidiu fazer a delação premiada.

O 2º vice-presidente do Senado e relator do Orçamento, Romero Jucá (PMDB-RR), é outro senador que busca um advogado para defendê-lo caso se confirme sua inclusão na lista do Janot. Ele entrou em contato com um advogado nesta semana. A assessoria do senador diz que Jucá somente se pronunciará quando a lista sair oficialmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário