Banner

Banner

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Deu a louca: Sarney manda amarrar sacos plásticos nos pés do povo

JM Cunha Santos


Os 72 % de aprovação após 100 dias do governo Flávio Dino estão enlouquecendo a sarneizada comunicativa no outro lado da ponte. Inventaram ilegalidades num contrato do Detran que garantiu 29,75 % de economia nos gastos da autarquia e, além disso, evitou o prejuízo de 1 bilhão para os cofres do Estado em decorrência das terceirizações do governo Roseana Sarney De igual modo, atacam virulentamente a Prefeitura de São Luís buscando, atingir também o governador Flávio Dino.


Depois de flagrados entrevistando um cadeirante paraplégico capaz de fazer caminhadas, praticar teste de cooper e disputar Olimpíadas, e do banho de lama tomado por um repórter, aproveitaram a chuva torrencial que caiu na tarde dessa quarta-feira para produzir no jornal O Estado do Maranhão mais uma estranha matéria na qual ninguém é capaz de se identificar. As fotos de capa mostram pessoas com tarjas pretas no rosto, o que por si só já denuncia a barrigada. E o único entrevistado da página 2 do caderno de cidades é um motociclista que “não quis se identificar”. Vai ver, o tal motociclista é, de fato, tetraplégico.
Que chove em São Luís, chove e muito, ninguém tem dúvidas disso. Mas o jornalismo do Sistema Mirante está ficando tão ridículo que ninguém consegue mais parar de rir. Enquanto isso, a aprovação do governo Flávio Dino humilha os índices da governadora Roseana Sarney que, provavelmente em virtude das investigações da Operação Lava Jato, continua “passando férias” nos States e cada vez mais distante do povo do Maranhão e do Brasil.

E há quem diga que o chefe de reportagem dessas duas matérias, a do paraplégico andante e a dos sacos plásticos, é o próprio Sarney. Ele mesmo teria tido a ideia de amarrar sacos plásticos nos pés do povo para filmar e fotografar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário